segunda-feira, 3 de maio de 2010

Outra Janela...


A vida de uma pessoa não é o que lhe acontece,
mas aquilo que recorda e a maneira como o recorda.


Gabriel Márquez

10 comentários:

Maria disse...

Exactamente. Quero-te com excelentes recordações!

Beijinho, minha Maria!

Joao P. disse...

Maria:

É bem verdade sim. Espero vir a ganhar uma memória cada vez mais selectiva!

beijo

João

Rosa dos Ventos disse...

Subscrevo! :-))
Bela foto, como sempre...

Abraço

Luis Eme disse...

é quase a mesma coisa...

não somos assim tão selectivos, a vida não deixa...

Eduardo Aleixo disse...

Mas recorda aquilo que lhe acontece!
E acontece que as tuas flores são muito bonitas.
Como tu, e o teu post.
Acho eu, como tu dirias.

poetaeusou . . . disse...

*
é,
as pessoas são como a sabedoria,
de tudo o que aprendemos, apenas
fica o que a memória alberga . . .
,
um mar de amizade, fica,
,
*

Mar Arável disse...

Amanhãs

com memória

Pitanga Doce disse...

Mas para recordar tem que acontecer. E é tão bom enquanto está acontecendo!

beijos Maria P

heretico disse...

recordar momentos bons. escassos que sejam...

beijo

Maria P. disse...

A maneira como se recordam as coisas (boas ou menos boas)isso sim, a meu ver marcam o sentir...

Gosto muito de ter as v/ palavras aqui.Obrigada.

Beijinhos*