segunda-feira, 17 de agosto de 2009

Autores

SOBRE O SEU RETRATO

Quando a idade fizer de mim o que agora não sou;
E cada ruga me disser onde o arado
Do tempo sulcou; quando o Gelo fluir
Atravessando cada veia e toda a minha cabeça se cobrir de neve:
Quando a morte exibir o seu frio sobre as minhas faces,
E eu, a mim mesmo o meu próprio Retrato procurar,
Não encontrando o que sou, mas o que fui;
Duvidando em qual acreditar, neste ou no meu espelho;
Embora eu mude, este permanecerá o mesmo;
Tal como foi desenhado, reterá a compleição primitiva
E a tez primeira; aqui poderão ainda ver-se
Sangue nas faces e uma Penugem sobre o queixo.
Aqui a testa permanecerá lisa, o olhar intenso,
O Lábio rosado e o cabelo de cor jovem.
Contemplai que fragilidade podemos ver no homem,
Cuja Sombra é menos do que ele propensa à mudança.


Thomas Randolph (1605-1635)
Trad. de Cecília Rego Pinheiro

9 comentários:

Pitanga Doce disse...

Maria, que poema tão triste num dia tão lindo de Verão!

mfc disse...

pois... a nossa sombra pouco muda!

Maria P. disse...

Pitanga,
por vezes o nevoeiro (cá dentro) é mais forte...


MFC,
será...

Pitanga Doce disse...

Maria, sei tudo desse nevoeiro!

Rosa dos Ventos disse...

Eu também sou muito entendida em nevoeiro e em noites de breu...
Mas é melhor olhar para o céu azul do que para o espelho! :-))

heretico disse...

poema muito belo...
de excelência

beijos

Mateso disse...

O retrato jamais é o reflexo do eu.
O poema é o espelho da alma.
Lindo
Bj.

Maria P. disse...

Pitanga,
acho que sabes...

Rosa,
tens razão...

Herético,
são leituras de fim-de-semana...

Matesa,
certas as tuas palavras...

Beijinho a todos*

freefun0616 disse...

酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店經紀,
酒店打工經紀,
制服酒店工作,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
酒店經紀,

,